WAT PHO, o templo da thai massagem

Atualizado: Mai 21

por Diego Carlos Marquete

Devido a transmissão oral de conhecimento, poucos documentos escritos sobre a origem da medicina tailandesa foram herdados daquele período. Porém, evidências históricas creditam como primeiro registro médico da Tailândia, inscrições em pedra datada por volta de 1182 a 1188, durante reinado do imperador Khmer Chaiworaman VII. Soberano que ordenou a construção de cento e dois (102) centros de tratamento de doenças, uma espécie de hospital da época, chamados “Arokaya Sala”, que traduzido da língua antiga significa, local sem doença.

Durante o reino de Sukothai, Ramkamhaeng, ordenou a construção de um jardim de plantas medicinais no alto da montanha Khoa Sappaya. Toda planta identificada como benéfica para a saúde do povo local deveria ter uma amostra plantada nesta montanha.

O rei de Ayutthaya, Narai O Grande, estabeleceu uma prática de saúde pública que permitia a massagem para o povo em geral e insituiu dois estilos de massagem tailandesa, um direcionado estritamente para o rei, no qual algumas partes do corpo não podiam ser tocadas e na qual o terapeuta somente poderia utilizar uma das mãos para aplicar a massagem e outra técnica para a população. Narai ainda ordenou que médicos tradicionais ou especialistas na medicina herbal compilassem a primeira obra medicina herbal da Tailandia, intitulada “Tamra Phra Osod Phra Narai”.

Após a queda de Ayutthaya em 1776 frente à invasão birmanesa, diversos documentos foram destruídos. Documentos estes originados de Ayutthaya e outros sob posse de Ayutthaya após o domínio de Sukothai.

Em 1778, restituída a paz na Tailândia, após expulsão do inimigo birmanês, Rama I, decretou Bangkok como a nova capital e ordenou a restauração de um templo, o templo de Wat Phodharam, um antigo monastério construído entre 1688 a 1703 pelo Imperador de Ayutthaya, Phetracha. O templo, que hoje é mais conhecido pelo nome de Wat Pho, um dos principais pontos turísticos de Bangkok, devido a imagem de 46 metros do Buda Reclinado, serviu para abrigar o conhecimento médico como receitas de medicamentos à base de plantas, somando ao todo 1100 fórmulas, escrituras de massagem, técnicas de auto alongamento; informações coletadas e gravadas em pedra, dispostas pelos pavilhões do complexo ou no que é chamado de Sala Rai.

A reforma de Wat Pho durou sete anos e após esta, ele se tornou o complexo de templos que abriga o maior número de imagens de Buda, sendo chamado pelo nome de “A Casa dos Mais de Mil Budas”. No pátio, o imperador ordenou a construção de oitenta esculturas de gesso que ilustraram posturas de alongamento, automassagem e intervenções terapêuticas de Nuad Bo'Rarn a técnica manual da medicina tailandesa.

Durante todos estes anos os templos foram reformados, ampliados e reconstruídos. Durante o reinado de Rama III (1824 – 1851), em 1832, o soberano iniciou uma das mais importantes revitalizações do complexo, que durou 16 anos. O monarca ordenou a revisão do conhecimento e Wat Pho recebeu textos adicionais em inscrições gravadas em granito e colocadas em suas paredes.

Estas inscrições trouxeram informações acerca de pontos, linhas de energia e tratamentos específicos com massagem e utilização de ervas. Ao todo sessenta (60) placas sendo trinta (30) da parte frontal e trinta (30) da parte posterior do corpo foram postas nas paredes retratando informações terapêuticas baseadas no princípio da liberação do fluxo de energia através dos canais que circulam pela estrutura corporal de uma pessoa, teoria semelhante a da acupuntura e medicina tradicional chinesa.

O templo foi transformado em um centro público de ensino, sendo considerado a primeira universidade da Tailândia e importante núcleo para o aprendizado da massagem tailandesa.

Em 1895, Rama V, visando combinar a medicina ocidental e a medicina tradicional, decretou que os textos deveriam ser traduzidos de seu formato original Pali-Sânscrito para a língua thai e o conhecimento passaria a ensinado no Siriraj Hospital e na escola de medicina, através de um manual médico que foi intitulado “TamRa PhaedSard SongKhroe ChaBab Luang”.

Em 1957, uma escola particular foi fundada dentro da estrutura do templo para ensinar thai massagem ao público em geral, resgatando a tradição. Atualmente, Wat Pho é reconhecido pela Unesco como um patrimônio da humanidade.

20 visualizações

© 2011 -  DIEGO CARLOS MARQUETE - Todos os direitos reservados.
É permitida a reprodução de conteúdos deste site desde que seja citado a fonte e o autor.

SIGA-NOS:

  • YouTube
  • Instagram
  • w-facebook
  • Twitter Clean